CMTV
Atualidade

Funcionário de hospital onde enfermeiras usavam sacos do lixo como proteção morre de coronavírus

Kious Kelly, de 48 anos, denunciou a falta de equipamentos de proteção no hospital.

Funcionário de hospital onde enfermeiras usavam sacos do lixo como proteção morre de coronavírus
O funcionário de um hospital em Nova Iorque, nos EUA, onde enfermeiras eram obrigadas a usar sacos do lixo como fatos de proteção, morreu devido ao coronavírus, avança o New York Post.

Kious Kelly, de 48 anos, morreu no Hospital Mount Sinai West em Manhattan, na terça-feira, uma semana após ter dado entrada e ter testado positivo para a Covid-19. 

O homem trabalhava como auxiliar de enfermagem, no Hospital Mount Sinai West, que tal como muitos outros pelo mundo tinha falta de equipamentos de proteção, como máscaras ou batas, devido à pandemia de coronavírus.

O profissional de saúde publicou uma fotografia no Facebook, em que três enfermeiras usavam sacos do lixo como fatos protetores. Na descrição escreveu: "NÃO HÁ MAIS BATAS NO HOSPITAL. NÃO HÁ MAIS MÁSCARAS... AS ENFERMEIRAS ESTÃO A TENTAR PERCEBER O QUE FAZER DURANTE A CRISE DE COVID-19". 

Em declarações ao Daily Mail, o hospital disse: "Esta crise não está a diminuir e já devastou centenas de famílias em Nova Iorque e fez dos profissionais da linha da frente verdadeiros heróis. Perdemos um herói, um colega, um amigo e um cuidador altruísta". 

Pelo menos quatro funcionários que trabalhavam com Kelly também testaram positivo para o coronavírus, e há nove pacientes infetados na unidade onde o profissional trabalhava, segundo o Post.
Mais Lidas
Guia TV
  • 06:00 NOTÍCIAS CM
  • No ar CM JORNAL HORA DO ALMOÇO
  • 14:57 NOTÍCIAS CM
  • 17:57 JORNAL AS 7
  • 19:45 CM JORNAL 20H
  • 21:10 INVESTIGAÇÃO CM
  • 21:57 ESPECIAL INFORMAÇÃO
  • 23:57 RUA SEGURA
  • 01:30 NOTÍCIAS CM
  • 02:30 CINEMA ERÓTICO
  • 04:30 RUA SEGURA