CMTV
Atualidade

Sete GNR acusados de agressões a migrantes em Odemira. Caso noticiado pelo CM em maio

Dois dos envolvidos já são reincidentes. Violência foi filmada.

Sete GNR acusados de agressões a migrantes em Odemira. Caso noticiado pelo CM em maio
Correio da Manhã|16 de dezembro de 2021 às 20:56

Sete militares da GNR, que cumpriam funções no posto de Vila Nova de Milfontes, em Odemira, estão acusados por uma série de agressões a migrantes do Hindustão que trabalham em estufas do concelho. Do caso que inicialmente envolvia cinco militares, já noticiado pelo CM, foi extraída uma certidão e aberta uma nova investigação pela PJ de Setúbal.

"Neste segundo processo, estão envolvidos sete militares do Destacamento Territorial de Odemira, em que três deles são reincidentes", adianta a GNR em comunicado, informando que dois dos envolvidos foram já suspensos. A investigação ao caso remonta a 2019.

"Os restantes cinco militares aguardam medidas sancionatórias, que são da responsabilidade de atribuição pela IGAI, entidade que tutela o processo de inquérito que ainda decorre", informa a GNR, sublinhando o "compromisso de tolerância zero às diferentes formas de discriminação e desigualdades, sejam elas através do género, idade, orientação sexual, deficiência, raça, etnia, saúde, religião, nacionalidade, situação económica ou estrato social".

Mais Lidas
Guia TV
  • 06:00 NOTÍCIAS CM
  • 09:08 MANHÃ CM
  • 10:53 JORNAL DE PORTUGAL
  • 12:53 CM JORNAL HORA DO ALMOÇO
  • 14:53 NOTÍCIAS CM
  • 15:08 RUA SEGURA
  • 15:53 NOTÍCIAS CM
  • 16:15 TARDE CM
  • 16:50 DIRETO CM
  • 17:18 MERCADO
  • 18:57 JORNAL AS 7
  • 19:45 CM JORNAL 20H
  • 21:00 INVESTIGAÇÃO SÁBADO
  • 21:53 LIGA D´OURO
  • 00:30 JORNAL DA MEIA-NOITE
  • 01:30 NOTÍCIAS CM
  • 02:20 HORA RECORD
  • 02:30 INVESTIGAÇÃO CM
  • 02:53 INVESTIGAÇÃO CM
  • 03:09 INVESTIGAÇÃO CM
  • 03:25 LIGA D´OURO