CMTV
Desporto

Vitória de Setúbal e Aves descem ao Campeonato de Portugal

Emblemas não cumpriram requisitos para a inscrição nos campeonatos profissionais.

Vitória de Setúbal e Aves descem ao Campeonato de Portugal
V. Setúbal e Aves vão ser despromovidos ao Campeonato de Portugal. As SAD dos dois emblemas não cumpriram os requisitos necessários para a inscrição nos campeonatos profissionais e, por isso, a Liga Portugal informou em comunicado que ordenou a descida de divisão para o terceiro escalão do futebol nacional. Esta decisão, que resulta do chumbo da Comissão de Auditoria da Liga, é passível de recurso, o qual terá efeitos suspensivos.

Como o nosso jornal escreveu na edição de terça-feira, a análise dos processos de candidatura obrigou a uma reunião intensa que se prolongou pela noite e que consumou, praticamente, este desfecho.

Das dívidas à estrutura jurídica e societária, critérios de transparência, a existência de um programa de estabilidade económica e financeira, a prestação de contas e relatórios e a estrutura de gestão, os vários incumprimentos excluem a equipa da próxima temporada profissional.

Os fundamentos apresentados surgem de um parecer da Comissão de Auditoria da Liga, que vistoria as candidaturas às provas profissionais

O Desportivo das Aves tinha sido despromovido à II Liga, depois de ter terminado a I Liga na 18.ª e última posição, enquanto o Vitória de Setúbal tinha assegurado a permanência, ao ser 16.º.

Assim, o principal beneficiário será o Portimonense, que garante, desta forma, a permanência na 1ª Liga. Da mesma forma, o Cova da Piedade, antepenúltimo classificado à data do cancelamento da 2ª Liga, poderá ver anulada a queda para o Campeoanto de Portugal.

Cova da Piedade e Casa Pia terão de apresentar candidatura ao ingresso nas provas profissionais, com a II Liga a registar já 14 candidaturas admitidas, além de duas equipas B (Benfica e FC Porto), faltando, para os 18 elementos que compõem a competição, os dois clubes que poderão reingressar.

Na lista consta o Vizela e o Arouca, que a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) indicou à subida, após o abandono do Campeonato de Portugal devido à pandemia de covid-19, uma decisão que o Tribunal Arbitral do Desporto decidiu, desde então, suspender.

A decisão é passível de recurso para o Conselho de Justiça da Federação Portuguesa de Futebol.

Mais Lidas
Guia TV
  • No ar NOTÍCIAS CM
  • 09:08 MANHÃ CM
  • 10:57 NOTÍCIAS CM
  • 11:57 CM JORNAL HORA DO ALMOÇO
  • 14:57 NOTÍCIAS CM
  • 17:57 MERCADO
  • 18:57 JORNAL AS 7
  • 19:45 CM JORNAL 20H
  • 21:10 INVESTIGAÇÃO CM
  • 21:45 LIGA D´OURO
  • 00:30 RUA SEGURA
  • 01:30 NOTÍCIAS CM
  • 02:30 CINEMA ERÓTICO
  • 04:00 LIGA D´OURO
  • 05:00 RUA SEGURA